59 Views |

A vibe energizante da Bikiny Society!

Por David Marques | Fotos de passarela: Roberta Braga e Cláudio Pedroso | Fotos de destaque: Nicolas Gondim

 Todo desfile a Bikiny Society nos convida para uma imersão no universo que é criado na passarela. Ao invés de estarmos ali somente apreciando as criações, temos o prazer de vivenciar um pouco do que foi o processo de surgimento dessa nova coleção que é apresentada. Em ALOHA, tema da coleção desfilada no último dia do DFB 2018, a marca nos carrega para o Kauai, uma das ilhas mais selvagens do Havaí!

 O crochê das primeiras peças desfiladas vem revisitado em ráfia crua, e é desse modo que a coleção vai se apresentar durante todo o desfile. O handmade é sofisticado pela Bikiny Society para alçar voo e ganhar o mundo. A textura do linho cru, matéria-prima já conhecida da marca, também estampa as peças dessa nova coleção. A seda de algodão é impressa com a flexibilidade dos bambus alongados através da pintura em aquarela monocromática livre. O tear manual desconstrói a imagem de ondas que transmitem a leveza e o design tridimensional.

 Chegou a hora de se deixa perder para se encontrar e lembrar-se sempre. E é isso o que a Bikiny Society nos propõe. Uma mulher com ar gipsy, pé na areia, cabelos ao vento, segura de si, e que sabe que essa é a sua melhor versão! Esse universo ganha ainda mais concretude embalado pelo ritmo folk que embala o caminhar das modelos pela passarela.

 Os tons de cru e terrosos, o verde, e a variedade de azuis, desde o mais lavado das nuvens, até o mais intenso do fundo do mar, nos direciona quase que imediatamente com o sentimento mais ancestral que temos dentro de nós. É chegada a hora de nos conectarmos com a natureza novamente!

CONFIRA O DESFILE: clique aqui