300 Views |

As mandalas de Ivanildo Nunes

Texto: Eduarda Silveira  | Fotos de passarela: Roberta Braga e Cláudio Pedroso | Fotos de destaque: Nicolas Gondim
 
Desmontando mandalas e reinventando nossa visão do cosmo, Ivanildo Nunes traz nessa edição de 2018 do DFB (dragao fashion brasil) uma coleção de notáveis inspirações no estilo contemporâneo do bordado cearense e nesse mundo misterioso que resolveu nos apresentar.
 
Na passarela aposta em cores quentes e inigmaticas, sendo fiel ao azul, vermelho, verde e o produto das duas primeiras, o violeta. Apresentando nessas cores, peças leves, compostas por tecidos, como o tule, organza e a renda francesa.
 
O autor da coleção nos ressalta também que sua arte final é quase por totalidade não industrial, sendo produzidas através das “mãos talentosas do ceará”, como o próprio fala na entrevista dada. A maior parte de seu conceito tornou forma a partir do design de superfície e desenhos a mão, esses detalhes enfeitam as passarelas com pedrarias e um styling que foca em nada mais do que o vestido em si.
 
CONFIRA O DESFILE: clique aqui