613 Views |

DFB Festival celebra 20 anos de moda, cultura e empreendedorismo nas areias do Aterro da Praia de Iracema

Criar, produzir e fazer girar a indústria da moda sempre foi a praia do Ceará. Por isso, o maior encontro da moda autoral da América Latina, o DFB Festival 2019 celebra 20 anos invadindo o trecho de litoral mais icônico da capital cearense: as areias do Aterro da Praia de Iracema.

Na programação de aniversário, o DFB Festival apresenta novidades que reúnem, em um line-up gratuito, desfiles, shows, workshops e gastronomia, reforçando a vocação do Ceará como epicentro para a fomentação da cultura, da formação e do empreendedorismo.

Para a edição de 20 anos, o DFB Festival aporta no Aterro da Praia de Iracema, meridiano imaginário que marca o final do Centro histórico de Fortaleza e o início da capital futurista dos arranha-céus e dos empreendimentos inovadores.

São mais de 21.000de estrutura do que o diretor do DFB Festival, Claudio Silveira, chama de “Cidade Autoral”, o espaço provisório por onde irão passar 36 desfiles, 4 balés, shows, palestras, workshops, bares, restaurantes e até uma feira com foco em economia criativa.

Claudio Silveira, lembra que, desde o início, “ainda que de maneira inconsciente, o Dragão (como o evento se chamava quando foi criado, em 1999) já pavimentava a estrada na qual veio a traçar essa longa jornada, unindo várias formas de expressão cultural em torno da moda”.

A instalação da estrutura do DFB no Aterro da Praia de Iracema atende a um convite que envolve as forças do Governo do Estado e da Prefeitura de Fortaleza, em reconhecimento às duas décadas de relevância do Evento para o desenvolvimento da cadeia produtiva no Ceará e, principalmente, no polo têxtil da Região Metropolitana de Fortaleza.

 

 

A indústria da moda vai dar praia no DFB Festival 2019

 

Mantendo a tradição, o DFB apresentará coleções autorais de 36 nomes, em 3 salas de desfile: 2 internas, com capacidade para 1.000 pessoas, cada, e uma externa, de frente para a praia, o DFBeach Club, com passarela de 65m, instalada sobre as areias do Aterro. O formato de apresentar coleções de moda praia no próprio ambiente para o qual foram criadas, é uma experiência única, possível unicamente pela localização privilegiada do DFB Festival 2019.

Claudio Silveira reforça: “para o cearense, a praia é mais do que um acaso geográfico: ela traduz a vocação do nosso povo para o empreendedorismo e a inovação, dado o exemplo dos jangadeiros, das rendeiras e do horizonte vasto do Atlântico à nossa frente”.

 

É a partir desses arquétipos que compõem a cearensidade, que o DFB reforça seu DNA, reunindo, novamente, grandes nomes da moda autoral, como Lindebergue Fernandes, Gisela Franck, David Lee, Wagner Kallieno, Almerinda Maria, Melk Z-da, Jeferson Ribeiro, Ronaldo Silvestre, Kallil Nepomuceno, Rendá por Camilla Arraes e D’Aura, que têm longos históricos ligados ao Evento.

A força da indústria da moda no Ceará marca presença nas passarelas da Flee e das estreantes Parko e Homem do Sapato.

O compromisso da cadeia produtiva do Estado com o DFB deu origem a quatro desfiles, correalizados por entidades representativas do trade: a Federação das Indústrias do Estado do Ceará, FIEC, apresenta o retorno da Água de Coco ao calendário cearense de moda; o Senac/CE traz a coleção Cariri Visceral, fruto de um semestre de pesquisas, assinada por alunos do Crato; o Sinditêxtil apresenta o trendshow com o preview dos lançamentos da Jangadeiro Têxtil; e o Sebrae/CE traz uma coleção especial, criada a partir do programa Rota das Emoções, reunindo artesãos dos municípios da Rota de Jericoacoara: Camocim, Sítio Alegre, Chaval e Barroquinha, com ênfase nas tipologias crochê, palha, chita e escama de camurupim.

Entre as estreias no line-up desta edição, nomes autorais como Baba (CE), Chico Marinho (AL), Vitor Cunha (CE) e as cariocas ESC e Marju. O piauiense formado no Ceará e radicado em São Paulo, Deoclys Bezerra, volta ao Evento em que conquistou o primeiro prêmio Novos Talentos, ainda em 2000, assinando uma coleção para a marca estreante Matias. Um dos nomes mais longevos do agora denominado Distrito Criativo Iracema, Silvânia de Deus, encerra o evento, fechando, em grande forma, estes 20 anos de ciclo do DFB Festival.

E, mantendo a tradição há 19 edições, o Concurso dos Novos reúne estudantes de todo o país, na corrida pelo prêmio de R$ 10.000,00, com equipes de faculdades do Ceará, Pará, Paraná, Piaui, Rio de Janeiro e São Paulo.

Confira o line-up oficial de moda do DFB Festival 2019:

 

Quarta • 15

17h30 – Parko

19h – Vitor Cunha + Caio Nascimento

19h30 – Almerinda Maria

20h – Homem do Sapato

20h30 – Gisela Franck

21h – FIEC apresenta Água de Coco
Quinta • 16

17h30 – Senac/RJ apresenta ESC

18h30 – Saldanha

19h – Sinditêxtil apresenta Jangadeiro Têxtil

19h30 – Senac/CE apresenta Cariri Visceral + Bruno Olly

20h – Rendá por Camila Arraes

20h30 – David Lee

21h – Wagner Kallieno

 

Sexta • 17

17h30 – Senac/RJ apresenta Marju

18h30 – Concurso dos Novos (Ateneu, Fanor, Sta. Marcelina, UNAMA)

19h – Jeferson Ribeiro

19h30 – SindiRoupas apresenta Matias

20h – Melk Z-Da

20h30 – Sebrae apresenta Rota Jeri + Lindebergue Fernandes

21h – Kallil Nepomuceno

 

Sábado • 18

18h30 – Concurso dos Novos (Unifor, UTFPR, UFPI, Veiga de Almeida)

19h – Baba

19h30 – D’Aura

20h – Ronaldo Silvestre

20h30 – Flee

21h – Silvânia de Deus

 

A Cultura vai dar praia no DFB

Além de enaltecer a cultura da moda autoral brasileira, o DFB Festival, como o reafirma o próprio nome, vai além e oferece uma programação multicultural, composta por exposições, mostra de curtas-metragens, lançamentos de livros, espetáculos de dança, shows de música e sets de DJs.

Um dia antes da abertura do DFB, na terça, 14, o Museu da Fotografia de Fortaleza (MFF) apresenta a exposição Grandes Olhares, montada exclusivamente para o Festival, reunindo pérolas do seu acervo, incluindo imagens icônicas de Richard Avedon, Otto Stupakoff, Luiz Tripoli, Horst P. Horst, Milton Greene e Leo Faria, entre outros.

A vernissage contará com performance de modelos usando looks da histórica coleção colaborativa “A Hora do Brasil”, recém-apresentada no consulado brasileiro em Londres, e coordenada por Jum Nakao para o Senac/CE, e executada e transmitida em tempo real, durante o DFB 2012.

Já a partir da quarta, 15, no Aterro da Praia de Iracema, o DFB sedia três exposições: o estilista David Lee remonta a instalação apresentada na temporada de moda de Londres, no início deste ano, para a qual foi convidado pelo British Fashion Council; dando continuidade à expo paralela no Museu de Fotografia, o DFB apresenta a exposição DFB 20 Anos • Novos Olhares, com curadoria de Maria Julia Giffoni e Thais Mesquita, reunindo trabalhos de fotógrafos de várias gerações, como Delfina Rocha, Nicolas Gondim e Luis Moraes; enquanto isso, no lounge principal do Evento, uma timeline celebra grandes momentos dessas duas décadas de DFB Festival, incluindo imagens raras das primeiras edições, quando o evento ainda se chamava Dragão Fashion.

Ainda na programação cultural do DFB, no sábado, 17, o maquiador e fotógrafo Fernando Torquatto recebe convidados para tarde de autógrafos de seu novo livro, homônimo, em que clica celebridades e comemora 25 anos de carreira. O lançamento será no espaço Livraria Senac, no lounge principal.

Em 2019, o DFB Festival realiza um desejo antigo: lançar uma mostra competitiva de fashion films de curta-metragem, reunindo profissionais, alunos e apaixonados por moda autoral. Tendo o universo das praias como temática, a 1ª Mostra DFB MoveModa, reúne trabalhos de todo o Brasil, incluindo a participação de 11 entidades de ensino técnico e superior.

Foram selecionados 26 vídeos, de representantes dos estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Paraná, Maranhão, Sergipe e Bahia. Os curtas-metragens serão exibidos individualmente, na abertura dos desfiles do line-up oficial do DFB.

Em jogo, R$ 10.000,00 em prêmios, distribuídos em 4 categorias: Fashion Film Independente do Ano; Pensamento Crítico; Inovação em Linguagem e Talento Estudantil.

Assinada pelo Sesc/CE, a curadoria de dança do DFB Festival apresenta espetáculos clássicos e contemporâneos das companhias Edisca, Vera Passos, Madiana Romcy e a premiada Escola de Dança de Paracuru.

 

Line-up DFB Dança

Quarta, 15/05 – O Quebra-Nozes – Companhia Madiana Romcy

Quinta, 16/06 – Espetáculo Academia Vera Passos

Sexta, 17/05 – Estrelário – Edisca

Sábado, 18/05 – Escola de Dança de Paracuru

 

Da dança, para a música, o DFB trará dois palcos, onde se apresentarão grandes nomes de várias cenas artísticas, do pop, ao underground.

O Palco Cores na Praia abre a programação diária, com sunsets embalados por DJs convidados e shows noturnos com nomes como Melim, Mc Pocahontas, Two Notty e outros nomes a confirmar.

Já no Palco Sesc, com 300de área coberta, além das apresentações de dança, receberá grandes shows, cujo line-up será divulgado em breve.

A programação musical do DFB Festival é inteiramente gratuita, com censura 12 anos, e acontecerá nos palcos Sesc e Cores, em line-up paralelo aos desfiles, workshops e palestras, diariamente a partir das 16h.

 

Formação, empreendedorismo, sustentabilidade e diversão vão dar praia no DFB Festival

Ao instalar-se nas areias do Aterro da Praia de Iracema, o DFB Festival 2019 reafirma seu compromisso com ações sustentáveis de estímulo à preservação do meio-ambiente.

Para garantir a praia limpa antes, durante e após o Evento, o DFB firmou parceria com a Enel, através do programa EcoEnel. para a realização de coleta seletiva de todos os resíduos gerados, durante todos os dias de Festival. A ação conta com consultoria da Transforme Coworking e irá doar todos os créditos obtidos da coleta para ações de sustentabilidade desenvolvidas pela Edisca.

Sustentabilidade também é um dos preceitos da economia criativa, sistema produtivo que estará presente no Evento através do espaço Reserva Sustentável, apresentado pelo Governo do Estado: 64 expositores irão comercializar produtos que obedecem a critérios sustentáveis de produção e consumo consciente.

Outra opção para consumo consciente de designers autorais é a loja colaborativa Senac Novo Design, que reúne artesãos de todos os estados do Nordeste.

O Senac, mais uma vez, correaliza o ciclo de formação Dragão Pensando Moda (DPM), composto por talkshows, mesas redondas e workshops formativos abertos ao público, com nomes como o consultor e estilista Dudu Bertholini; o diretor criativo da Animale, Vitorino Campos; o criador da label sustentável Ahlma (Grupo Reserva), André Carvalhal; o criador do seminário Homem Brasileiro, Mario Queiroz; o diretor de marketing e exportação Água de Coco, Renato Thomaz, entre outros convidados.

A programação do DPM tem início, todos os dias, às 15h. As inscrições para talkshows e mesas redondas são gratuitas e limitadas, e podem ser feitas no site do Senac/Ce.

Após as atividades do DPM, a partir das 17h30min, o DFB dá início às atrações musicais e culturais. Para garantir combustível para o público, o Senac/CE coordena o espaço Ceará Gastronômico, reunindo 14 restaurantes e bistrôs, além de sete bares, com curadoria do bar Santa Gela.

O DFB Festival 2019 é apresentado pelo Governo do Estado, através do selo Ceará tá na Moda, com agradecimento especial à Enel patrocínio da Prefeitura de Fortaleza e apoio do Sebrae, Sistema Fecomércio, Sesc e Senac, Sistema FIEC, SindiRoupas, Sinditêxtil, Supermercadinhos São Luiz, CSI, Museu da Fotografia e Festival Cores. Apoio institucional: Programa TexBrasil, Abit, Apex Brasil. Apoio Cultural: Secretaria de Cultura do Estado do Ceará. Realização: Equipe de Produção e Artesanias.

 

SERVIÇO:

DFB FESTIVAL 2019

15 a 18 de Maio

Aterro da Praia de Iracema

Entrada Gratuita

Censura 12 anos