19 Views |

Uma viagem pela Moda, Arte e Cultura do Cariri

 

Texto: Renato Ferreira

 

Cariri Visceral. O nome da coleção apresentada pelo Senac Cariri já revela muito de sua essência. Com uma ideia proposta pela escola de Fortaleza, mais de 60 mãos foram responsáveis pela passarela que teve em sua equipe os estudantes dos cursos de Modelagem, Costura e Figurino. Tudo foi confeccionado de maneira muito única, valorizando os diferentes aspectos da região nordestina sem esquecer de referenciar grandes mestres, como Espedito Seleiro (no uso dos couros e do design incomparável) e de Alexandre Heberte (com suas tramas experimentais tão famosas que já viraram até livro).

Foto: Roberta Braga e Chico Gomes

Inspirador, o desfile levou uma gama de materiais muito grande para que nada ficasse de fora ou remetesse a outro lugar. Juta, couro, cascas de coco, fibras naturais, além das técnicas da sublimação e do macramê, deram o movimento preciso para que o espetáculo acontecesse. A paleta evidenciou o uso do preto, marrom, dourado, uso de verdes para se remeter exclusivamente à natureza regional, à religiosidade (principalmente do Padre Cícero), e às mulheres trabalhadores que tanto dão força ao Nordeste.

Clique aqui e confira as fotos.